Delegação Regional Açores

Emergência Psicológica, uma necessidade?

21.novembro.2023

"Em caso de Crise Psicológica, independentemente da causa, promova: um ambiente calmo, respeite a pessoa em crise, não julgue ou critique as reações, seja compreensivo e comunique de forma tranquila, esteja atento aos sinais e peça ajuda especializada." Artigo de opinião da psicóloga Catarina Cordeiro, para ler no Diário dos Açores.

Ler Mais

Psicologia e Cuidados Paliativos: não há espaço para a solidão na "montanha russa"

14.novembro.2023

Integrados em equipas multidisciplinares, os Psicólogos contribuem para a promoção da qualidade de vida, prevenindo o sofrimento, numa intervenção transversal que inclui o utente e a sua família, numa abordagem que conjuga a ciência com um profundo humanismo e empatia (como sempre é apanágio dos Psicólogos). Artigo de opinião de Filipe Fernandes, membro da direcção da Delegação Regional dos Açores, para ler no Diário dos Açores.

Ler Mais

Psicólogos da Madeira, Açores e Tenerife definem vias de colaboração

13.novembro.2023

Os representantes dos psicólogos da Madeira, dos Açores e de Tenerife definiram, esta sexta-feira, vias de colaboração. Foi numa reunião à margem do I Encontro sobre Saúde Psicológica e Bem-estar, que se realizou esta quinta e sexta-feira, no Centro Cultural e de Investigação do Funchal.

Ler Mais

Diário dos Açores

Como quebrar ciclos de ansiedade?

06.novembro.2023

"É difícil largar um mau hábito só com a força de vontade! Para quebrar velhos hábitos e fazer com que novos se instalem, temos de identificar o que queremos mudar, trazer consciência para o que sentimos, observar o resultado dos nossos comportamentos e selecionar novos, que nos façam sentir melhor e colaborem para a efetiva resolução dos nossos problemas." Artigo de opinião de Joana Ámen, vogal da direcção da Delegação Regional dos Açores, para ler no Diário dos Açores.

Ler Mais

Diário dos Açores

Cancro da mama… Do Porquê ao Para Quê

30.outubro.2023

"Assim, acompanha-se sem pressa, permitindo a ventilação de emoções e expressão de pensamentos, efetuando psicoeducação, ajudando a dar significado ao processo de doença e a promover estratégias de coping adequadas e hábitos de vida saudáveis, trabalhando questões de vida e morte e promovendo aquilo que observo em tantas mulheres um crescimento pós-traumático." Artigo de opinião de Patrícia Mestre Santos, para ler no Diário dos Açores.

Ler Mais

“Mentes Criminosas” e a Psicologia da Justiça

25.outubro.2023

"O Psicólogo da Justiça intervém com ofensores, vítimas e ainda efectua avaliações de vítimas, ofensores e testemunhas de crime. A Psicologia da Justiça, diariamente, contribui para ajudar a entender os intervenientes envolvidos – vítimas, ofensores, famílias e grupos - contribuindo para que haja um entendimento moderno da Justiça." Artigo de opinião de Josefina O. Pacheco, no espaço regional da DRA no Diário dos Açores.

Ler Mais