Ordem dos Psicólogos

Certificação APCER

Mandato 2017-2020: Por uma Ordem mais próxima e forte

Tomada de Posse dos novos Órgãos Sociais da OPP

05.Janeiro.2017

“Vamos construir uma Ordem mais próxima e forte. Conto convosco”. Foi desta forma que Francisco Miranda Rodrigues, Bastonário recém-eleito, se dirigiu aos cerca de cem membros que tomaram posse para o mandato 2017/2020, assim como para os representantes políticos e de outras ordens da área da saúde que marcaram presença. A cerimónia decorreu no passado dia 30 de Dezembro de 2016 no auditório da Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP).

Durante o seu discurso, o novo representante da Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP) destacou os quatro eixos estratégicos do actual mandato: Melhorar o bem-estar dos cidadãos aumentando a acessibilidade aos serviços prestados pelos psicólogos, valorizar a profissão melhorando as condições do seu exercício, alcançar um serviço de excelência e proximidade aos psicólogos e aumentar o envolvimento e participação dos psicólogos na vida da OPP. Francisco Miranda Rodrigues teve ainda oportunidade para abordar, entre outros temas de relevo, o Programa Nacional de Prevenção da Depressão, o contributo dos psicólogos para o sucesso escolar e a autonomia dos psicólogos e dos serviços de Psicologia. Os membros estagiários também foram tema central no discurso, tendo sido dadas garantias que tudo irá ser feito para se criar mais e melhores condições.

Importa sublinhar que esta cerimónia contou ainda com a presença de Telmo Mourinho Baptista, primeiro Bastonário, que no seu discurso de despedida relembrou as diversas etapas e conquistas ao longo dos últimos anos, inicialmente na Associação Pró-Ordem dos Psicólogos Portugueses (APOPP) e depois na OPP, tendo prometido ainda continuar a "lutar pela afirmação da Psicologia em Portugal".

Refira-se que as eleições da OPP realizaram-se no passado dia 6 de Dezembro de 2016, tendo a "Lista C - Mobilizar os Psicólogos" conquistado todos os órgãos sociais. As eleições deste ano ficaram ainda marcadas pelo aumento de 25% do número de votantes e pelo facto deste escrutínio ter contado com uma das taxas de votantes mais elevadas entre as Ordens profissionais sem obrigatoriedade de voto.

Clique aqui para ver as fotografias da cerimónia.